FANDOM


Narrador: Aqui é o Everglades, escondido no fundo de uma selva espensa um furtos mortíferos e selvagens jacarés, sempre a procura de comida.

[Zé Jacaré tocando viola deitado numa rede, a antena do radar localiza alguma coisa e apita]

Zé Jacaré: Oh! Oba! Lá vem o meu jantar. O que será que está no radar? [Zé apretando um dos botões do seu radar de pássaro e deu uma olhada] Ah! Oba! Ah! Grande, gordo, saboroso! Pica-Pau! [E o Zé Jacaré prepara um jantar, pegou um kit de jantar, está cantarolando raspando faca e espada, mas ele tem uma idéia genial. Pica-Pau cantarolando voando no céu, mas foi levado pelo Zé Jacaré com uma rede]
Pica-Pau: Ei! Alguém apagou a luz! Quem foi o sabidinho!?
Zé Jacaré: Bem-vindo Pica-Pau. Bem-vindo a casa de saúde do Zé jacaré. [Mas uma enganação do Jacaré]
Pica-Pau: Casa de Saúde? Eca!
Zé Jacaré: Você está doente, muito doente.
Pica-Pau: Eu estou?
Zé Jacaré: Poxa, você está mau, mau, mau, muito mau!
Pica-Pau: Hiccup!
Zé Jacaré: Você precisa de um banho mineral. [Jogou o Pica-Pau no banho mineral com uma água quente]
Pica-Pau: Sabem de uma coisa, já estou me sentindo bem. [Pica-Pau se divertindo numa banheira com água quente, mas está uma fornalha de fogo, Zé Jacaré cortando cenoura em cima do Pica-Pau, jogou frutas e vegetais, joga sal e pimenta]
Narrador: Pimenta

[Zé Jacaré joga pimenta no Pica-Pau e o Pica-Pau deu vontade de espirrar e fez]

Pica-Pau: ah-ah-aih-aihh-atiti-atititih-AAAAAAAAAAAAAAAAAACHUMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMM! [E espalhou toda comida no Zé Jacaré e ficou todo melecado]
Pica-Pau: Obrigado pelo banho mineral, Tchau cara!
Zé Jacaré: Espera aí chapa! Sua aparência não é muito boa! Isso sente-se ao sol. Vou deixá-lo parado. [Zé Jacaré ligando o fogo com 3 bocas]
Pica-Pau: Ele é um jacaré bem bonzinho.
Zé Jacaré: Use estes óculos e relaxe. Um pouquinho de loção.
Narrador: Óléo de cozinha

[Zé Jacaré usando uma espátula e vira o Pica-Pau para atrás]

Zé Jacaré: E um pouquinho de bronzeador.
Narrador: Amasseador de carne

[Pica-Pau sente cheiro de alguma coisa cozinhando]

Pica-Pau: Algo está cozinhando.

[Zé Jacaré virou o Pica-Pau com a espátula para cima e para baixo e o jogou no prato de salada, colocou meias para o peru, coloca uma maçã na boca do Pica-Pau e raspa os talheres cantarolando, mas o Pica-Pau descobre que foi enganado pelo Jacaré malvado e cospe a maçã fora]

Pica-Pau: Espere um momento. UM MOMEEEEEEENTO! Isso não é uma casa de saúde! É uma lanchonete! Eu fui tapeado!
Zé Jacaré: É! E você é o meu prato.
Pica-Pau: Ei! Espera aí cara! Você não vai me comer! [Pica-Pau se afastando do Zé Jacaré] Veja eu só tenho um monte de ossos. [Pica-Pau abriu seu corpo que tem ossos]Veja mais de perto. Só tem ossos. [Mas era uma imagem] Se ainda acha que está mesmo com fome, eu vou te arranjar um hambúrguer. [Pica-Pau usando o rabo do Zé Jacaré como harbúrguer, coloca catchup para fazer vingança] Aqui está. Bom apetite.
Zé Jacaré: Obrigado! É bem como eu gosto! Muito catchup! [Zé Jacaré deu uma mordida, mas mordeu o seu próprio rabo]
Zé Jacaré: IIIIIAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAUUUUUU! [Zé Jacaré gritando como um alarme de emergência, mas ficou preso num galho de um ninho e os ovos cairam em cima dele]
Pica-Pau: Está cidade é pequena demais para nós dois! Eu vou me mandar!
Narrador: Casa de Saúde do Zé Jacaré [No corte da cena, o Pica-Pau retira a placa da casa de saúde, mas tem um aviso] Perigo! Cuidado com os crocodilos! [E Pica-Pau vai nadando até o fim do rio e Zé Jacaré vai perseguí-lo]
Zé Jacaré: Volte aqui, seu assado especial! [Pica-Pau continua nadando, mas Zé Jacaré tem uma canoa e remo para ir atrás do Pica-Pau, mas é devorado por um crocodilo. O crocodilo balança o seu rabo, Zé Jacaré sai de dentro dele, mas o crocodilo resolve dar uma mordidas para alcançar Zé Jacaré, mas mordeu a canoa, Zé Jacaré se salvou dando risada, mas foi atropelado por uma árvore]

[Pica-Pau dá sua risada e se esconde no buraco]

Zé Jacaré: Ah-HA! Muito bem, seu pudinzinho de pena, a sua hora chegou! Saia daí Pica-Pau, você está cercado. [Pica-Pau pegou uma dinamite, acendeu ela, pôs bastante cola e colocou perto dele] Caiu na armadilha. [Zé Jacaré pegou a dinamite] Armadilha! mi-ne-i-a-i-i! [A dinamite tá colada na mão do Zé Jacaré, Zé Jacaré sacudiu, mas a cola não quer sair, correu até o rio, coloca dentro d'água, mas o crocodilo devora o Zé Jacaré e levou uma explosão]

[Pica-Pau dá sua risada, mas Zé Jacaré ainda está atrás do Pica-Pau, fazendo zig-zag em toda parte da árvore, Zé Jacaré encontrou um índio]

Zé Jacaré: Você viu um pica-pau com cara de trouxa passar por aqui?
Pica-Pau: Pica-Pau? Ele ter um bico grande como esse? [Pica-Pau disfarçado de índio]
Zé Jacaré: Sim!
Pica-Pau: Tinha topete engraçado... Como ess... Oh-oh! como esse?
Zé Jacaré: Sim! Isso mesmo!
Pica-Pau: Ele entrou na minha tenda.
Zé Jacaré: Obrigado chefe. Muito bem pica-pau, você está frito. [Pica-Pau tira seu disfarçe e prendeu o Zé Jacaré na tenda com um zipper e amarra com uma corda]

Ei! O que está vendo? Socorro! Socorro! Eu quero sair daqui! Tire-me daqui!

Pica-Pau: Está na hora! Está na hora!
Zé Jacaré: Socorro! Me tire daqui! não pode fazer isso comigo! [O crocodilo reapareceu, Zé Jacaré abriu a tenda fazendo buracos, mas o crocodilo está bem perto dele. Zé Jacaré foi humilhado pelo Pica-Pau. Pica-Pau batendo as mãos e entrou na cabana]
Pica-Pau: O que será que está passando no radar a essa noite? Oba! veja isso! Um bang-bang parafuso! [Zé Jacaré é perseguido pelo crocodilo]

[Pica-Pau dá sua risada]

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória